Mídias sociais: 7 erros mais comuns ao iniciar essa estratégia

6 minutos para ler
foto-montagem-guia-completo-modernizar-mkt e comunicação sua empresaPowered by Rock Convert

Se você é um gestor de marketing, sabe a importância de uma estratégia de comunicação nas mídias sociais. É por meio do ambiente online que uma empresa pode aumentar o alcance do seu público-alvo, fortalecer a marca, melhorar o relacionamento com o consumidor, entre outras vantagens.

Assim como em todos os projetos de uma empresa, a fase inicial desse trabalho é marcada por dúvidas e, muitas vezes, erros, devido à falta de conhecimento. A boa notícia é que é possível evitar as falhas ao se informar sobre o assunto!

Para lhe ajudar, neste artigo, destacamos os sete erros mais comuns de empresas nas mídias sociais e como evitá-los. Acompanhe!

1. Não ter uma estratégia definida

Essa dica pode parecer óbvia, mas é muito comum que algumas empresas criem canais online sem planejamento nenhum, apenas para ver o que acontece. Esse projeto, apesar de parecer simples para alguns, possui dificuldades e riscos que devem ser avaliados antes de ser colocado em prática.

Além disso, a definição de metas é necessária para determinar quais ações devem receber mais esforços da empresa, quantos colaboradores serão necessários para o projeto, se a melhor opção é contratar uma agência especializada.

2. Deixar de segmentar o público

Ao iniciar um projeto nas mídias sociais, é importante ter em mente que o objetivo não é alcançar o número máximo de pessoas, mas, sim, as pessoas certas. Para isso, é muito importante definir quem é o seu cliente, saber o que ele busca e quais são as suas principais dificuldades.

Dentro do seu público-alvo, pode existir mais de um grupo com interesses e necessidades específicas. Fazer essa segmentação pode ser muito útil nas campanhas de anúncios patrocinados, já que é possível direcioná-las de acordo com as características de cada grupo.

3. Postar sem ter um cronograma

Quando usamos as mídias sociais na vida pessoal, as postagens acontecem de forma espontânea e natural. Um erro comum das empresas é enxergar o trabalho nas mídias sociais da mesma forma. Mas é preciso lembrar que tudo que é postado deve ser planejado de maneira estratégica.

O ideal é criar um planejamento de conteúdo, que pode ser organizado em uma planilha de Excel e deve apresentar algumas informações básicas, por exemplo:

  • canal de postagem (blog, Facebook, Twitter, entre outros);

  • data e horário de publicação;

  • tema da postagem;

  • formato (texto, vídeo, imagem etc.);

  • objetivo.

Além de oferecer uma visão mais ampla do conteúdo disponibilizado, esse documento vai trazer mais controle e comprometimento ao executar as ações necessárias. Ele também pode auxiliar na mensuração dos resultados, facilitando as análises e alterações da estratégia, quando necessário.

4. Esquecer das redes sociais

Ao criar um perfil nas redes sociais, é preciso ter consciência de que ele se torna um canal de contato e relacionamento com o seu consumidor. A partir do momento que você recebe uma curtida, isso quer dizer que aquela pessoa possui um interesse no seu negócio.

Além disso, mesmo aqueles que ainda não curtiram ou seguiram o seu perfil podem se sentir estimulados a conhecer a empresa ao ver um conteúdo atualizado e relevante.

Por isso, é muito importante manter um ritmo nas postagens, sempre intercalando os tipos de conteúdo de acordo com os interesses do seu público-alvo. Por mais que, algumas vezes, pareça um esforço em vão, lembre-se que esse trabalho exige tempo e paciência para trazer resultados.

5. Ignorar os comentários negativos

Ao expor sua marca no ambiente online, é necessário que a empresa esteja preparada para receber todo tipo de interação, desde dúvidas, elogios até os temidos comentários negativos. Um erro comum é ignorar ou até mesmo apagar as reclamações, uma atitude que pode ser um verdadeiro tiro no pé.

Um consumidor ignorado pode usar a internet para compartilhar sua insatisfação, o que pode causar muitos danos na imagem da empresa. Ao receber uma reclamação, responda no mesmo canal utilizado pelo cliente, agradecendo pela observação e deixando claro que a empresa vai investir em melhorias.

Se for um problema que exige uma atenção especial, solicite o contato de forma privada com o cliente, por Messenger ou e-mail.

6. Não ter atenção com o conteúdo postado

Rafael Rez, um dos maiores especialistas de marketing do Brasil, afirma que “a moeda que compra o tempo e a atenção das pessoas hoje é o conteúdo”. Esse pode ser o grande diferencial entre você e a sua concorrência no ambiente online. Fique atento às necessidades do seu público-alvo e ofereça um conteúdo que ajude a resolver possíveis problemas.

Powered by Rock Convert

Além dos formatos básicos, como artigos em blogs, posts em redes sociais e vídeos, você pode inovar e criar conteúdos mais ricos, como infográficos, e-books, depoimentos de clientes, entre outros.

Por mais que o ambiente online — principalmente, as redes sociais — seja mais informal, fique atento para que as informações sejam relevantes e estejam de acordo com a imagem da marca. Também é necessário que a linguagem utilizada esteja de acordo com o seu público-alvo.

7. Fazer muita publicidade

A venda é um dos objetivos principais ao posicionar a marca nas mídias sociais, portanto, dedicar parte dos esforços para a publicidade da empresa é muito importante. No entanto, a organização precisa tomar cuidado para não errar a mão nessa promoção.

Um erro comum é focar na divulgação dos produtos nos meios errados, pois é importante lembrar que as mídias sociais são canais de relacionamento — não de vendas. Essa atitude de falar de si mesmo o tempo todo pode afastar o consumidor.

O ideal é que menos da metade das publicações sejam voltadas à publicidade. Realizando um trabalho bem-feito por meio do conteúdo e outras ações, os consumidores se sentirão naturalmente estimulados a realizar negócio com a sua empresa.

Apostar nas mídias sociais é uma necessidade de todas as empresas que desejam conquistar um bom faturamento e posicionar a marca no mercado. Para que os resultados cheguem, é importante ficar atento a possíveis erros e corrigi-los a tempo.

Gostou do conteúdo? Aproveite para conferir também nosso post sobre como o endomarketing pode influenciar nos resultados da sua empresa!

 

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário

Conteúdos Especiais criados pela 2dcb

para te ajudar

Fechar

Gostaria de saber mais sobre a

Agência 2?

Fechar

Visite nosso Site