Memes na internet: a sua marca pode usar como parte do marketing?

7 minutos para ler
foto-montagem-guia-completo-modernizar-mkt e comunicação sua empresaPowered by Rock Convert

Sabe aquelas imagens, vídeos e bordões que vez ou outro surgem online, promovendo uma brincadeira que rapidamente contagia as pessoas e são compartilhadas nas redes sociais? Os memes na internet são motivos de piada e diversão para muitos, mas também podem contribuir positivamente para estratégias de marketing.

Esse tipo de conteúdo geralmente está em formato de imagem, vídeo ou GIF, e viraliza com facilidade e rapidez muito grande na internet. É fácil reconhecer um meme: uma foto, por exemplo, compartilhada por muitas pessoas, em diferentes contextos, na maioria das vezes, com intenções humorísticas.

Se você gerencia o marketing de uma empresa e investe em estratégias online, sobretudo em produção de conteúdo, utilizar memes na internet pode ser uma ótima forma de engajar com o seu público-alvo e modernizar a comunicação da sua companhia  desde que seja feito da maneira correta.

Neste artigo, trazemos um miniguia com as principais informações sobre os memes e como eles podem impactar em sua estratégia de marketing digital. Acompanhe!

Uso de memes por empresas e instituições

A utilização desse tipo de conteúdo pode ser visto, por muitos gestores, como um tabu, mas é preciso desmistificar essa crença. Muitas organizações, do setor público inclusive, já utilizam memes na internet com sucesso — e apresentam ótimos resultados de engajamento.

Isso porque o senso de humor é uma característica do ser humano e ajuda a conectar pessoas e empresas. É possível, portanto, utilizar esse tipo de recurso em estratégias de marketing, desde que alguns cuidados sejam tomados.

E como isso pode ser feito? Os memes podem ajudar a comunicar, de forma descontraída, a mensagem da marca, os benefícios e as qualidades de suas soluções, de acordo com o perfil de seu público-alvo.

Você lembra da Luiza, que estava no Canadá? Uma propaganda de um empreendimento imobiliário agitou as redes sociais, gerando vários memes. Isso foi suficiente para trazer de volta a estudante, que estava em intercâmbio, a fim de que participasse de comerciais para marcas.

A Prefeitura de Curitiba é outro grande exemplo de organização que utiliza memes. Eles publicam imagens com informações cotidianas da cidade, com humor, em sua página no Facebook e encanta sua audiência jovem. Lembra daquele vestido que ninguém conseguia dizer se era azul e preto ou branco e dourado? Eles aproveitaram o momento para divulgar cursos de costura na cidade.

Já a Polícia Militar de Minas Gerais aproveitou o intenso compartilhamento de vídeos de uma briga em que uma das envolvidas perguntava “Já acabou, Jéssica?” para se posicionar contra a agressão e informar que, além de não ter graça, é uma contravenção penal.

Vantagens de usar os memes em seus conteúdos

É mais fácil passar a sua mensagem para uma pessoa quando ela está de bom humor, em um momento de simpatia com você, certo? A utilização de memes em sua estratégia de marketing de conteúdo é uma boa maneira de gerar empatia e engajamento com o público-alvo.

Se usados da maneira correta em suas campanhas, os memes conseguem conectar as pessoas à sua marca por meio da brincadeira, ajudando a criar uma relação de confiança e intimidade.

Além disso, os memes na internet ajudam a manter a sua marca viva na lembrança do consumidor e, como a taxa de engajamento costuma ser interessante, os conteúdos têm maior alcance de público, com divulgação da empresa, de sua mensagem e das soluções.

Essa interatividade ajuda a criar uma imagem de respaldo no mercado. Se o seu público-alvo percebe que você costuma comentar e atender clientes na internet, esse é um sinal da qualidade do seu produto (ou serviço) e do atendimento.

Powered by Rock Convert

Dicas para utilização de memes na internet

Antes de tudo, você precisa notar que os memes não funcionam para qualquer tipo de empresa. Há marcas que são mais sérias e, portanto, piadas não caem muito bem. Se a sua companhia permitir, a descontração pode gerar grandes benefícios: basta acompanhar as dicas a seguir.

Perfil da marca

A criação de memes não deve fugir à regra de adequar seus conteúdos à linguagem do público-alvo. Você precisa entender o perfil dos seus clientes a fim de criar mensagens que ressoem entre as suas personas.

Verifique o que gostam de ler, de assistir e sobre o que se interessam. Além disso, é preciso ter claro o objetivo da empresa e dos posts nas redes sociais.

Contexto

Os memes, geralmente, seguem um contexto. Cada imagem ou vídeo tem uma origem em algum conteúdo — e você precisa entender isso antes de criar os seus. Busque, na internet, como a brincadeira se originou e as adaptações realizadas pelos usuários.

Um exemplo: há uma foto antiga do ator Keanu Reeves com frases de teorias da conspiração e, portanto, não deveria ser utilizada para fazer perguntas sérias. Seu cliente, provavelmente, perceberá o equívoco.

Entretenimento

Os memes devem entreter a sua persona, ao mesmo tempo em que ajudam a aumentar a popularidade da sua marca. Quando isso acontece, seu público engaja com suas publicações, inclusive com compartilhamentos, e ajuda a alcançar ainda mais pessoas. Para que isso aconteça, porém, é necessário ser engraçado.

Por outro lado, você não deve ultrapassar limites ou publicar em excesso. A brincadeira deve ser natural e casual, pois, caso contrário, o esforço será em vão. Atenção também para não ofender nenhum público e não sujar a sua empresa na internet.

Timing

A utilização de memes deve ser feita no momento certo, ou seja, quando as pessoas entendem o significado e estão entrando na brincadeira. Alguns duram mais que outros. O exemplo do Keanu Reeves que citamos pode ser utilizado ainda, já que é antigo e continua na ativa; o que não acontece com o da Jéssica.

Se você perceber algum tipo de conteúdo que está viralizando, analise se há alguma forma de adaptá-lo em suas estratégias de marketing. Se a paródia de uma música ficou em evidência recentemente, por que não utilizar nas mídias sociais?

Uma maneira de acompanhar tendências é seguir hashtags no instagram, Trending Topics no Twitter e perfis específicos de memes e humor, como o 9gag.

Mensuração

Além de aproveitar as tendências em suas estratégias de conteúdo, é preciso acompanhar os resultados. O engajamento das pessoas com os seus memes, ou seja, o quanto elas curtem, comentam e compartilham, é uma boa maneira de mensurar.

Mas isso não é tudo: é preciso entender se houve sucesso na estratégia. As pessoas estão se entretendo? Entenderam a mensagem? Ou a empresa está recebendo muitas críticas? Analise o sucesso ou o fracasso e adapte os conteúdos futuros.

Não precisa de muito para criar memes para a internet. Um programa de edição de vídeo ou imagens que permita a inserção de textos e outros elementos de design já deve ser o suficiente  além da criatividade, é óbvio. Há soluções online para isso, como o Memedad e Meme Generator.

Você entendeu o que são e como a sua empresa pode se beneficiar de memes na internet? Acompanhe as principais redes sociais e inspire insights para criar conteúdos de entretenimento para sua audiência, se a sua marca permitir. Lembre-se de sempre monitorar seus resultados e de evitar ofender quem quer que seja.

Gostou do conteúdo? Então compartilhe este artigo com seus amigos empreendedores nas redes sociais!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário

Conteúdos Especiais criados pela 2dcb

para te ajudar

Fechar

Gostaria de saber mais sobre a

Agência 2?

Fechar

Visite nosso Site