Marketing na indústria de alimentos: 7 ações indispensáveis

6 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Pode parecer estranho fazer marketing para comidas e bebidas, já que elas deviam se vender apenas pela necessidade básica de alimentação, não é mesmo? Porém, no Brasil, a indústria de alimentos é muito competitiva e tem usado a diferenciação de produtos como principal estratégia de marketing. 

Nos últimos anos, os consumidores têm se preocupado bastante em manter uma alimentação saudável, e atingir esse público é o foco da maioria das estratégias de marketing no setor alimentício hoje em dia. Portanto, é preciso investir em marketing para fortalecer a imagem da marca e ganhar a preferência dos consumidores, mostrando que se preocupa com sua qualidade de vida. 

Neste post vamos mostrar as 7 ações indispensáveis no marketing na indústria de alimentos. Confira! 

1. Faça o planejamento adequado das estratégias 

O primeiro passo para promover o crescimento do negócio a partir do marketing é um planejamento bem realizado. Nele precisam ser definidos a segmentação de mercado, o posicionamento que a empresa adotará, os objetivos a serem alcançados, o investimento a ser feito e os responsáveis por cada etapa dos processos. 

As ações necessárias para alcançar o objetivo devem ser traçadas em seguida, sendo que deve haver o acompanhamento da implementação de cada estratégia de marketing escolhida. Assim, é possível analisar os pontos positivos e o que precisa melhorar. 

2. Pesquise sobre seu público-alvo 

É fundamental para um negócio estudar o dia a dia e o comportamento do seu público-alvo, bem como a sua relação com a alimentação. Dessa forma, é possível saber como se comunicar com ele e quais qualidades dos seus produtos devem ser destacadas nas ações de marketing. Podem ser realizadas pesquisas sobre a etnografia, jornadas do consumidor e testes de conceitos. 

Se a sua empresa trabalha com alimentos práticos e saudáveis, por exemplo, o seu consumidor ideal provavelmente tem uma rotina corrida e se preocupa com os benefícios proporcionados por eles. Portando, seria recomendável mostrar que seu produto oferece praticidade sem abrir mão da saúde, usando estratégias do marketing nutricional, assunto do da próxima dica. 

3. Use estratégias de marketing nutricional 

O marketing nutricional é uma importante forma de diferenciação de produtos empregada pela indústria alimentícia. Constitui uma estratégia não completamente inovadora, mas que se baseia em fornecer um conjunto de informações de caráter nutricional sobre os produtos ao consumidor. Isso permite que ele faça escolhas conscientes e condizentes com o estilo de vida que pretende adotar.  

Antes da adoção da tabela nutricional nos rótulos dos alimentos se tornar obrigatória pela legislação brasileira, esse era o principal instrumento de marketing nutricional. Agora, isso deixou de ser um diferencial e as propagandas nutricionais tomaram seu lugar. Nelas, os dados nutricionais bem elaborados e veiculados são uma importante ferramenta de educação alimentar da população. 

Essa estratégia beneficia ambos os lados, tendo em vista que ajuda a promover uma imagem melhor e gerar confiança para a empresa, além de deixar os clientes mais seguros sobre o que estão consumido. 

4. Promova ações no ponto de venda 

Os revendedores e clientes precisam conhecer seus produtos e confiar na sua marca para decidir se vão ou não escolhê-la. Para isso, existem algumas ações que ajudam a melhorar a experiência deles, criar confiança e fechar negócio. 

A ação de degustação, por exemplo, explora o sensorial da pessoa, criando uma conexão com ela. Já o marketing de experimentação mostra os produtos a partir de amostras grátis, brindes ou oferecendo um test drive  sendo uma ótima estratégia para empresas que estão se lançando no mercado. 

5. Crie uma imagem atrativa para a marca 

É possível aumentar o desejo de compra dos consumidores criando uma imagem atrativa e que cause impacto neles. A embalagem, por exemplo, é um vendedor silencioso. Duradoura, fortalece a marca com suas características únicas, ou seja, a personalidade do produto. Nesse processo, tanto o projeto estrutural da embalagem quanto o seu design fazem toda a diferença. 

Outro fator muito importante na imagem transmitida no marketing de alimentos é a fotografia. Elas devem ser bem elaboradas e atrativas para fins promocionais ou publicitários. A partir delas, é possível transmitir sensações, aromas, paladares, percepções táteis, frio ou calor, entre outros. 

6. Defina o seu posicionamento digital 

A construção da sua marca depende da interação com o seu público-alvo tanto no mundo online quanto no offline. O consumidor moderno é muito conectado e dá muito valor às suas experiências digitais. 

Por isso, geralmente, o primeiro contato do consumidor com sua empresa, produto ou serviço é pelo seu site. Assim, a interação entre ambos pode passar uma imagem positiva ou negativa da empresa ao público-alvo, então, tais percepções devem ser controladas em todos os seus aspectos. 

Todas as ações online devem fazer com que a impressão do consumidor seja coerente com o que a empresa quer passar e seu posicionamento. 

7. Seja mais próximo dos seus revendedores 

Os revendedores, como os supermercados, por exemplo, devem ser tratados como aliados em todos os processos. Para isso, eles precisam entender o seu trabalho, conhecer bem sua empresa e a sua segmentação. Essa relação saudável e produtiva entre indústria e revendedores garante vantagens, como a confiança, e não deixa que problemas de organização impactem negativamente a experiência do consumidor final. 

Os tempos de crise, principalmente, exigem uma boa relação com os revendedores. Logo, é necessário que eles se sintam valorizados para o comprometimento ser efetivo e para que vocês sejam capazes de solucionar todos os desafios. Além disso, um relacionamento próximo possibilita o favoritismo para campanhas promocionais cooperadas, lançamentos de produtos e pesquisas de opinião. 

Essas foram algumas dicas de ações indispensáveis para impulsionar suas vendas no setor alimentício e aproximar sua marca dos consumidores. Não se esqueça de que é fundamental conhecer o comportamento do seu público-alvo, tanto online quanto offline, para que consiga desenvolver estratégias adequadas, que gerem identificação com os valores dos produtos e serviços oferecidos pela empresa. 

Gostou de saber sobre marketing na indústria de alimentos? Então, que tal ler agora sobre as soluções de marketing e descobrir como escolher a melhor para a sua empresa? 

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário