Aprenda o que é e como usar o MailChimp de maneira descomplicada

8 minutos para ler
foto-montagem-guia-completo-modernizar-mkt e comunicação sua empresaPowered by Rock Convert

O envio de e-mail marketing é uma das principais tarefas das estratégias de inbound, que tem como objetivo principal atrair pessoas por meio de conteúdo de qualidade e manter um relacionamento durante a sua jornada, desde o descobrimento de uma necessidade à realização de uma compra. É por isso que hoje discutiremos a respeito de como usar MailChimp, o que é e como mensurar resultados.

Sabe por que é importante conhecer a solução? O uso de um software ajuda muito a expandir a comunicação, gerar oportunidades de venda e tráfego para o site de uma empresa. Se quiser saber mais sobre o MailChimp, acompanhe este artigo!

O que é o mailchimp?

O MailChimp é uma plataforma de criação, envio e gerenciamento de e-mail marketing. Por meio de alguns menus e comandos simples, o usuário pode enviar desde mensagens a um grupo de pessoas cadastradas — com um nível de personalização sensacional — a newsletters e fluxos de nutrição.

Para isso, o usuário pode utilizar um dos diversos templates que já vem criados na plataforma, escrever um e-mail simples, com ou sem inserção de código HTML ou até fazer um design novo, se essa for a sua preferência.

Sabe quando você recebe e-mails que, apesar de conter o seu nome próprio, você sabe que foram automatizados, como quando você se cadastra em um site e recebe, em questão de segundos, uma mensagem de boas-vindas? Pois é, no MailChimp você pode fazer isso.

Como usar mailchimp para enviar emails?

A primeira coisa que o novo usuário deve fazer, ao iniciar o uso do MailChimp é criar listas de e-mails, que são os grupos de destinatários que receberão as mensagens. Explicaremos mais sobre isso adiante.

Uma vez que você tiver uma ou mais listas, terá que escrever um e-mail que, na plataforma, são chamados de “campanhas”. No alto do site você deverá encontrar um botão “Create” ou “Create Campaign” em outros locais do painel do usuário.

Seus e-mails podem ser generalistas, ou seja, enviados para todas as pessoas na lista ou segmentados. Nesse caso, apenas alguns leads receberiam aquela mensagem, de acordo com os filtros que você configurar.

Antes de escrever o seu e-mail você deverá atribuir um título interno, para identificar a campanha e o assunto da mensagem, que será exibido aos destinatários. Seu nome e e-mail já estarão padronizados, de acordo com o que foi inserido na criação das listas, mas você pode alterar a qualquer momento.

Em seguida, certifique-se de deixar habilitado as opções de rastreamento, para mensurar quem leu as mensagens e clicou nos links, a fim de calcular melhor a performance da estratégia.

Após esses passos é só escolher um template ou criar um novo design, inserindo imagens, blocos de texto e links para as mídias sociais, por exemplo, e escrever o seu e-mail. Então é só testar se tudo está funcionando direitinho (o MailChimp permite que isso seja feito na própria plataforma ou com envios de testes para a sua caixa de entrada) e enviar ou agendar um dia e horário.

Como usar o mailchimp no Inbound Marketing?

Se você tem conhecimentos nas estratégias de inbound marketing, sabe a importância de criar conteúdo relevante para todas as etapas do funil, a fim de gerar valor, se relacionar com os leads e conduzi-los durante sua jornada de compra.

O envio de e-mail marketing é um ponto muito importante nesse sentido, pois facilita o relacionamento contínuo entre empresa e cliente, inclusive gerando tráfego para o blog, enviando ofertas e entendendo melhor o comportamento da persona, de acordo com os tipos de e-mails em que ela clica, lê e se interessa.

Mas não é só isso, o MailChimp também possibilita a criação de fluxos de nutrição — que são aqueles e-mails em sequência — previamente criados e cadastrados, enviados automaticamente de acordo com algumas regras estabelecidas pelo usuário.

Uma grande vantagem do MailChimp é que essa é uma solução gratuita para quem incluir até 2.000 destinatários e enviar até 12.000 mensagens mensais, o que não é nada mal para pequenos negócios.

Powered by Rock Convert

Como criar uma conta no MailChimp?

Se você entende o básico de inglês para se cadastrar em um site (que não está disponível em português), você não deverá enfrentar dificuldades para criar uma conta no MailChimp. No entanto segue um pequeno passo a passo para te ajudar:

  1. Acesse https://mailchimp.com/ em seu navegador;

  2. No canto superior à direita, clique em “Sign Up Free”;

  3. Na tela seguinte, insira o seu e-mail, crie um nome de usuário (username) e defina uma senha (password). Ela deve conter no mínimo 8 dígitos, com pelo menos um número, um caractere especial e letras em minúsculo e maiúsculo;

  4. Clique em “Get Started”.

Após seguir esse passo a passo, confira o seu e-mail, pois você deverá receber uma mensagem com um link para que sua conta seja ativada. Após clicar nesse endereço, você pode começar as configurações iniciais.

Quais são as configurações necessárias?

Após clicar no e-mail e ativar a sua conta, você será redirecionado a uma página para confirmar a sua humanidade (clicando naquelas caixinhas de “eu não sou um robô”) e fazer algumas configurações iniciais.

Nessa etapa, você deverá incluir o seu nome e sobrenome, o nome da sua empresa e o URL (ou seja, o endereço na internet) do seu site. Você também precisará incluir um endereço de e-mail que, de preferência, deve ser domínio próprio, com o nome da sua empresa, para evitar ser caracterizado como SPAM — além de conferir mais credibilidade.

Insira, em seguida, o endereço da sua empresa, faça integrações com suas redes sociais e plataformas de e-commerce (se aplicável) e clique em “Let’s Go” para acessar o painel principal, do qual você poderá criar suas primeiras listas, campanhas e mensurar resultados.

Como criar listas de e-mails?

Você precisará clicar no menu “Audience”, no alto da página, sessão na qual você pode adicionar pessoas, criar novas listas, integrar com um e-commerce ou importar leads — que é a maneira mais fácil se você já tem uma audiência grande.

Se esta for a sua opção, basta clicar em “Import Your Contacts” e inserir um arquivo em formatos .csv ou .txt, que podem ser salvos do Excel. Você também pode copiar de uma planilha e colar no MailChimp ou integrar com serviços como o Google Contatos, Salesforce ou Zendesk.

Se vai começar do zero, em “Audience”, você encontrará um menu suspenso com a opção para gerenciar e criar novos grupos. Ao criar uma lista, você deverá definir um nome e e-mail de remetente e explicar por que o lead está recebendo aquele e-mail, que pode ter sido, por exemplo, após assinar a newsletter. Isso facilita que as pessoas lembrem de você e evite a caracterização como SPAM.

Você também pode criar listas por meio de formulário de contato. Para isso, em “Manage Audiences”, você encontrará a opção “Signup forms”, na qual será possível criar páginas de captura, pop-ups e configurar e-mails padrão, como o de boas-vindas.

Como usar o Mailchimp para segmentar a base de leads?

Na criação da campanha, você poderá colocar apenas os e-mails para os quais deseja enviar, mas existe forma mais fácil de fazer isso. Você pode, por exemplo, usar um segmento que já foi criado anteriormente, o que é feito no menu “Audience”, para enviar mensagens apenas para pessoas de acordo com algumas regras, como gênero, região e primeiro nome.

Na própria criação da campanha, no entanto, você pode utilizar alguns filtros, como enviar apenas para quem não abriu os dois últimos e-mails.

Para que usar a ferramenta de análise?

É muito importante mensurar os resultados, afinal, se você não o fizer, não saberá se obteve retorno sobre o investimento, ou seja, se as ações estão valendo a pena. No MailChimp, você consegue acessar relatórios com informações como:

  • leads que abriram os e-mails;

  • quem clicou em quais links;

  • performance de testes A/B;

  • taxas de abertura e clique.

Neste artigo, você aprendeu bastante sobre como usar Mailchimp e por que pode ser um aliado importante em estratégias de inbound marketing. Se você ainda não faz uso de soluções para enviar e-mail marketing, considere utilizar a solução a fim de personalizar seus e-mails, se relacionar com sua base de contatos e transformar leads em oportunidades.

E já que tocamos no assunto de conteúdo e geração de leads, não deixe de conferir como blogs podem fortalecer a sua marca!

 

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário

Conteúdos Especiais criados pela 2dcb

para te ajudar

Fechar

Gostaria de saber mais sobre a

Agência 2?

Fechar

Visite nosso Site